fbpx
Download Gratuito!

Download Gratuito!

Receba GRÁTIS o seu Guia Definitivo que ensina a desenvolver um TCC do início ao fim em 30 dias. Só precisa se inscrever:

Seu e-mail está 100% seguro!

O que são os Elementos Pós-textuais do TCC? Veja essas dicas!

O que são os Elementos Pós-textuais do TCC? Veja essas dicas!

Todo trabalho de conclusão de curso é dividido entre os elementos pré-textuais, elementos textuais e os elementos pós-textuais. O artigo de hoje será dedicado exclusivamente para os elementos pós-textuais do TCC. Veja quais são eles, as regras que você deve conhecer, dicas e os principais erros cometidos.

Os elementos pós-textuais serão todas as páginas serão inseridas após a conclusão do TCC. Como o próprio nome sugere, PÓS (significa depois) e TEXTUAL (texto, conteúdo). Elas servem para fins de complemento e principalmente para a listagem das referências do projeto.

Monografis oferta87 - O que são os Elementos Pós-textuais do TCC? Veja essas dicas!

Elementos Pós-Textuais (ABNT)

Os elementos pós-textuais servem para fins de complementação do trabalho. De acordo com as Normas ABNT, apenas as referências são obrigatórias.

Os elementos pós-textuais são um grupo de páginas inseridas após a conclusão que servem para complementar informações que foram utilizadas no decorrer dos elementos textuais.

O elemento mais importante certamente é a lista de referências utilizada no projeto. Sem ela, todo o seu trabalho seria invalidado, pois o fato de ter citado autores e não referenciado acarretaria em plágio.

Por essa razão, este elemento é obrigatório em um trabalho acadêmico. Os outros são opcionais, isso quer dizer que são utilizados apenas se necessário.

Lista de elementos pós-textuais (ABNT)

De acordo com as Normas ABNT NBR 14724 (2005), ao todo existem 5 elementos pós-textuais, desses apenas as referências são obrigatórias. Veja a lista completa de todas as páginas que compõe este grupo de elementos do TCC:

  • Referências: lista onde se revela todas as referências citadas nos elementos textuais.
  • Glossário: lista de palavras ou termos em ordem alfabética seguida se seus respectivos significados.
  • Apêndices: materiais de autoria do próprio autor que podem complementar o projeto.
  • Anexos: materiais de autoria de terceiros que podem complementar o projeto.
  • Índice: listagem de assuntos ou palavras com sua indicação de localização no texto.

A ordem importa, sendo assim os elementos descritos deverão aparecer na mesma ordem que foram citados acima.

Eles não possuem indicativos numéricos no título, e de acordo com a NBR 6024 devem ser centralizados.

Regras e recomendações para os elementos pós-textuais

Existem diversas regras impostas pelas Normas ABNT para a apresentação dos elementos pós-textuais de um trabalho de conclusão de curso. Algumas regras gerais:

  • Os títulos dos elementos pós-textuais não recebem numeração progressiva e deverão ser centralizados.
  • A tipografia dos títulos é a mesma utilizada nas seções primárias dos elementos textuais.
  • Os elementos pós-textuais deverão aparecer no sumário.
  • A paginação é seguida normalmente como no restante do trabalho.

Agora descubra as especificações da ABNT para cada um dos itens dos elementos pós-textuais do seu projeto.

Regras para as Referências

Nas referências, deve-se citar toda a bibliografia utilizada no desenvolvimento do seu trabalho.

A norma técnica que dá as instruções para a elaboração das referências é a Norma ABNT NBR 6023.

Existem formas específicas para elaborar a referência de acordo com o seu tipo. Como são muitos tipos, recomenda-se utilizar ferramentas que fazem esse processo, como o gerador de citações e referências online. Através dele você terá a certeza de que estará cumprindo com todas as normas.

Já a norma que diz respeito à ordenação das referências é a Norma ABNT NBR 10520. A listagem irá depender do sistema de chamada para as citações utilizado. Existem três modelos:

  • Sistema autor-data: a listagem é feita em ordem alfabética dos sobrenomes dos autores ou do primeiro elemento da referência.
  • Sistema numérico: a listagem é feita de acordo com a indicação numérica das citações.
  • Notas de rodapé: a listagem é feita no sistema autor-data se as notas forem para citações no texto e no sistema numérico se as notas de rodapé forem explicativas.

Sobre a formatação da lista de referências:

  • O título REFERÊNCIAS deverá aparecer em fonte arial ou times new roman, em tamanho 12, centralizado e com letras maiúsculas
  • É deixado um espaço de uma a duas linhas em branco entre o título e a primeira citação.
  • As referências são alinhadas à esquerda.
  • Utiliza-se o espaçamento entre linhas simples.

Regras para o Glossário

O Glossário é uma lista com palavras e termos relevantes utilizados no projeto com seus devidos significados. A ordem das palavras deverá ser alfabética.

Não há uma regra específica para a elaboração do glossário no TCC. As únicas exigências são o título, que deverá ser conforme o restante dos elementos pós-textuais.

O glossário é pouco utilizado em trabalhos de conclusão de curso, recomenda-se utilizar apenas em casos extremamente necessários.

Regras para os Apêndices e Anexos

Os apêndices e anexos são elementos com diferenças e necessitam ser apresentados separadamente. Os apêndices são documentos da mesma autoria do autor do trabalho que foram utilizadas como complemento. Já os anexos são documentos de outra autoria utilizados como complemento do projeto.

De acordo com a Norma ABNT 14724, os apêndices e anexos são identificados por letras maiúsculas consecutivas, seguido por um travessão e o título. Caso as letras do alfabeto se esgotem, são utilizadas letras dobradas, exemplo:

APÊNDICE A — ASSUNTO 01

APÊNDICE Y — ASSUNTO 22

APÊNDICE Z — ASSUNTO 23

APÊNDICE AA — ASSUNTO 24

Regras para o Índice

A Norma ABNT que possui as instruções para a elaboração do índice é a NBR 6034. Existem diversos modelos de índices, sendo assim recomenda-se consultar a norma técnica na íntegra.

O índice, basicamente será uma página onde você irá inserir entradas (termos, palavras-chave, nomes, símbolos, entre outros) e revelar onde elas se localizam no texto.

Veja um exemplo básico:

Universidade: cap. 2, p. 23

Faculdade: cap. 2, p. 24

Muitas pessoas confundem o índice com sumário. São coisas bem distintas, o sumário é uma lista dos elementos pré-textuais que revela os títulos da estrutura do trabalho e sua respectiva localização.

Já o índice, como você viu, é uma lista dos elementos pós-textuais que organiza palavras-chave e informa onde é possível as localizar no texto.

Erros comuns cometidos nos elementos pós-textuais que podem comprometer a sua pesquisa

Existem uma série de erros cometidos por acadêmicos que são bem comuns. São em sua maioria, erros bobos que você certamente poderá evitar. Alguns acontecem por distrações, outros por desconhecimento das regras.

  • Erro 01: embaralhar a ordem dos elementos pós-textuais.
  • Erro 02: numerar os títulos ou não formatá-los corretamente.
  • Erro 03: não listar os elementos pós-textuais no sumário.
  • Erro 04: errar a formatação das referências.

Esses erros acima são leves, as vezes até passam despercebidos pelos avaliadores. Diminuem no máximo alguns décimos na nota e podem ser facilmente corrigidos antes da entrega final do trabalho.

Já esses erros a seguir, são moderados ou gravíssimos e não podem ser cometidos de forma alguma:

  • Erro moderado: esquecer uma ou duas referências.
  • Erro moderado: fazer a referência de uma obra errada.
  • Erro gravíssimo: esquecer três ou mais referências.
  • Erro gravíssimo: não fazer a lista de referências.

As referências são parte de extrema importância no seu projeto. Sem elas todo o TCC será inválido, porém utilizando elas e não dando os créditos aos autores consultados, você será acusado de plágio. Os erros moderados acima podem gerar uma contestação na banca e claro, um desconto na nota final.

Já os erros gravíssimos são imperdoáveis, sendo assim, sempre que for utilizar a ideia de algum autor, faça a citação da forma correta e não esqueça de gravar na lista de referências.

Ferramentas para não errar na listagem das referências

Como forma de descomplicar e evitar erros na elaboração da listagem das referências do TCC, pode-se citar duas ferramentas que são bastante úteis:

Monografis oferta87 - O que são os Elementos Pós-textuais do TCC? Veja essas dicas!

Conclusão

Os elementos pós-textuais são a complementação da sua pesquisa. Através deles você poderá inserir informações que poderão acrescentar com o projeto elaborado.

A lista de referências é o único elemento pós-textual obrigatório. O restante — glossário, apêndices, anexos e índice — são opcionais, sendo utilizados apenas se necessário.

Nenhum elemento deste grupo deverá receber numeração progressiva no título. Os títulos deverão ser apresentados sempre centralizados, de acordo com as Normas ABNT.

Para auxiliar na elaboração das referências, recomenda-se utilizar alguma ferramenta que automatize este processo. O site Referencia Bibliográfica e o Plugin NBR 6023 são duas ótimas opções.

Referências

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6023: Informação e documentação — Referências — Elaboração. Rio de Janeiro: 2018. 

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6024: Informação e documentação — Numeração Progressiva das Seções de um Documento Escrito — Apresentação. Rio de Janeiro: 2003. 

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6034: Informação e documentação — Índice — Apresentação. Rio de Janeiro: 2004. 

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10520: Informação e documentação — Citações em Documentos — Apresentação. Rio de Janeiro: 2002. 

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 14724: Informação e documentação — Trabalhos acadêmicos — Apresentação. Rio de Janeiro: 2005. 

Ebook Grátis!

Ebook Grátis!

Receba GRÁTIS o seu Guia Definitivo que ensina a desenvolver um TCC do início ao fim em 30 dias. Só precisa se inscrever:

Seu e-mail está 100% seguro!

Sobre o Autor

Professor Bruno H. Nindenberg
Professor Bruno H. Nindenberg

Minha missão é te mostrar o caminho para que você consiga desenvolver um TCC do começo ao fim sem travar em nenhuma etapa.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *